sexta-feira, 2 de março de 2012

Amor!

Você se opõe a tudo que escrevi
até agora nesse espaço
é o que eu sempre quis imaginar de belo
e real.
tá lá toda a poesia séria
de viver feliz nos teus olhos
me agarro a ela,
eu que fui só não sentido até então

Nenhum comentário:

Postar um comentário