terça-feira, 21 de setembro de 2010

Folhas em branco são O Verso-Uni ( de Coisas Tudo, de Tudo Nada)

Uma Linha Horizonte vem se riscando até hoje
em Reta se prolonga
nunca ,nunca se encontra...
Mas se formam Cubos aqui, e de dentro deles,
Protegidos, conjeturamos
A Linha passa e leva-nos sempre um pedaço
-Mas não nos falta nada!( gritamos)

A Verdade é que há muito houveram Curvas
E não contamos a primeira e agora há milhares
Parece algo que impregnado se pelifica em Nós
-Estamos realmente presos em Nós.

Cubos são na verdade Linhas,
E Corpos Cubos,
e Mãos Curvas,
e Olhos Horizonte,
Horizonte vai Linha e Ponto,
e Costas ou Abraços,
e Vida ou Morte,
e Felicidade ou Sangria,
e Vapor ou Água,
e Novas E Vias do Verso-Uni.

Nenhum comentário:

Postar um comentário