terça-feira, 27 de abril de 2010

SOBRE A CONTINUAÇÃO DE NOSSAS VIDAS!(O COMEÇO DO FIM!)



O mundo acaba de explodir e eu estava a me despir...
iria tomar um banho.
Nesse momento nada pode cantar ou expressar a sensação de sumir!
Tudo é poeira cósmica!...
como veio se foi...
Ninguém sentiu o temor ou a dor de sumir...
e mesmo que sentissem,
tudo acabaria na metade!

Agora não existe mas agora,
nem antes,e o que é pior
O depois!
Não existe razão,meta ou esperança.
Tudo inexiste no vácuo espacial da terra!

"Irônico o mundo acabar do nada
trazendo a morte social de todos!"

explodiu-se:
O material,o espiritual...
A paz e o amor...
As guerras e o horror!
aquela música que tocava...
uma nota...mais uma ...nenhuma!...
O processo de criação não pode continuar...
O gozo quase chegou...
mas antes explodiu!

O mundo explodiu...
Os homens e Mulheres...
a desigualdade neles!
A burrice e a chatice...
A sabedoria infinitamente escrita...
A política da justiça do mais forte...
os bichos,monstros,plantas e contos...
Toda a naturalidade e o seu lindo teatro!
As danças de todos os gêneros,
os gêneros de todas as formas...
Tudo é poeira!, toneladas poeirais!
Junto,Unido,Misturado...
assim como ficavam as mentes de alguns lunáticos com senso ou sem senso.

É...Tudo está explodido...
e tinha tantos que se preparavam
e veio do nada,para igualar todos ao simples susto e incompreensão que sumiu na metade!...na metade!

Ninguém pôde dizer o porque...
Nada sobrou para renascer...
No lugar de tudo só tem o nada e não tem ninguém...
e eu iria tomar um banho
estava a me despir
Tudo explodiu sem aviso!

Esperem!...
eu ouço um barulho
que voz ou som sobreviveu?
"Que luz forte e libertadora"
É a minha TV fora do ar, e o som chiado de nenhuma programação!

Um sonho?! , Um pesadelo?!
NÃO! Uma revelação!
sobre como tudo é arbitrariamente vivo!
e sobre como não adianta ir contra essa força da vida!
Tudo bem estou vivo...
Todos estamos...
O mundo continua e a poeira ainda não é realidade.
Mas se um dia acontecer: Não pensar!... Só viver!... e morrer na metade do pensamento VIVO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário